Objetivo: tempo virá, num futuro não distante assim, que a Terra será uma só cidade, com suas gestões locais, pois um fato ocorrido numa face do planeta, poderá provocar efeitos imediatos na outra, e deverão ser os chefes municipais a decidirem muitos dos processos que, atualmente, são decididos por governadores de estado, presidentes ou chefes das nações.

O redirecionamento da “educação parlamentar” precisa ser urgentemente posto em prática pois os problemas ambientais não irão aguardar pela preparação tardia dos responsáveis pelas politicas publicas necessárias ao enfrentamento desse e de outros desafios iminentes.